Ano Novo e tradição

Quarta, 07 Janeiro 2015 10:59
Versão para impressão

Votos e promessas. Segundo o dicionário Priberam, um e outro vocábulo estão interligados; isto é, uma promessa é "uma declaração em que se anuncia a outrem ou a si mesmo uma ação futura ou intenção de dar, cumprir, dizer ou fazer algo", um voto é "uma promessa solene". Elenco as promessas do novo ano: ler mais, contribuir para que os alunos gostem de ler cada vez mais, colocar a leitura no centro dos interesses dos alunos, ir mais além e motivar toda a comunidade escolar aLer+. Ambicioso? Sim! Utópico? Talvez... mas é aqui que entra o voto, a promessa solene: não cruzar os braços e deixar que a incerteza se apodere de nós.

CNL - Cuba _ fase distrital 2012/13

Imagem: Concurso Nacional de Leitura - fase distrital 2012/13 (BMC)

Fazer sempre mais e melhor, insistir. Lá diz o ditado, água mole em pedra dura, tanto bate até que fura. Primeiro ponto a contribuir para o cumprimento das promessas: chegaram já os documentos que a biblioteca escolar adquiriu no âmbito do projeto aLer+, que designámos "Ler é +!". Livros para miúdos e graúdos - a nossa biblioteca escolar tem um espaço para a literatura de adultos, precisamos que esse espaço comece a ser procurado. Segundo ponto: está aí o Concurso Nacional de Leitura, que já é tradição na nossa BE. Trinta e dois alunos de sete turmas estão a preparar-se para concorrer a nível de escola; no dia 12 de janeiro procederemos à primeira eliminatória. É o ano em que temos mais concorrentes! Bom sinal :). Terceiro ponto positivo: diferentes projetos a nível de escola concorrem para esta ambição comum de Ler+. Estamos no bom caminho e prontos para arremessar as pedras que o tentem barrar. 

Bom ano! Boas leituras!

Actualizado em Quarta, 07 Janeiro 2015 11:54